Mostrando postagens com marcador Mark Wood. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Mark Wood. Mostrar todas as postagens

5 de abr de 2010

Mark Wood - Woodoo Violince - 1991

Juro que qdo vi este disco pela primeira vez a capa era verde,rs!!!
Com o passar do tempo e ouvindo outras coisas ele foi ficando não de lado, mas guardado, e cada viajada ou cada amigo te acrescenta algo; aí é que vão se acumulando coisas de que nem me lembrava mais.

Qdo achei-o, olhei e pensei: essa capa não era verde?

Rs...era.....era um puta de um genérico que um pilantra me trazia do Rio, de uma loja muito conhecida e que a época da famosa net a lenha e no começo dos cds genéricos eles faziam as cópias e as capas ficavam com uma qualidade péssima.
Se não me engano um cd em loja custava 20 paus e o genérico "importadaço" saia por 35 paus; ô cambada de pilantras viu? e o trouxa aqui não tinha acesso amplo geral e irrestrito ainda e achava estar fazendo um puta negócio.

Ah se burrice matasse!!!!!!

Mas valeu cada cent que paguei neste som, porque é algo até hoje completamente inovador e de uma qualidade absurda, um disco que não perde pra nada que tenha sido feito, que não envelhece, que não vence o prazo de qualidade.

Quer dizer, o genérico já foi pra "bacia das almas" faz tempo, nem um xp que eu tinha lia mais o coitado, mas aí, fui atrás do original e foi nessa que vi a tal capa de cor diferente e até agora rio muito disso. Tenho uma amiga querida que me chama de ingênuo; como ela é simpática não?
Tem que chamar de burro mesmo, rs
Puta de uma capa mal feita com tintas descalibradas, aquelas impressoras antigas que ficava uma bela josta qqr coisa que fosse belo, ai meu saquinho!!

Bem, vamos ao que interessa (mas continuo rindo de mim mesmo,rs!)
Qdo ouvi me arrepiei e pensei: -Sem dar bandeira senão sobe o preço do produto, mas que puta som, que sequências musicais absurdas e não era só um disco de um cara gênio que inventou um instrumento; sim Mark Wood é o que chamam de "Luthier", e resolveu criar pra si algo que aceitasse o que ele queria fazer com as notas musicais e tudo que vc ouve aqui que parece ser guitarra, é o violino dele, ah pelo amor dos meus discos, o que é isso?
Isso não é humano, esse cara é completamente genial, me perdoem o macaco de auditório aqui(será que tem lobo de auditório?) quem conhece sabe e quem não ouviu por favor me desminta!!!!!!

Mas com argumentos.

Não, são notas comuns; não são acordes banais; não é uma musica qualquer e já ouvi centenas como essa......aí tudo bem; porque senão faça como eu fiz na primeira vez, aumenta o volume e sinta toda energia que corre da primeira a última faixa de um chamado "rock fusion"(arghhhhhhhhhhhhhhh!!!!!!!!!odeio isso, mas foi como chamaram à época) e este é o primeiro trabalho dele, tava fresquinho no instrumento, na musicalidade e na criatividade.

Um banho de música boa!!!!!!!!!!!!.

"Mark Wood is an electric violinist, as well as the founder of Wood Violins, a company that makes high quality, unique electric violins. He is also an Emmy-winning composer. His music and strings education program has been featured on news programs nationwide. He is a former member of the Trans-Siberian Orchestra.

Mark Wood studied under Dr. Richard Rusack at Paul D. Schreiber High School in Port Washington, New York before beginning his career with a full scholarship at the Juilliard School in New York and studied viola under the well-known conductor and composer Leonard Bernstein at the Tanglewood Music Program.

Wood was one of the violinists and an original member of the symphonic rock group Trans-Siberian Orchestra. He is no longer now. He has also played with Celine Dion, Billy Joel and Lenny Kravitz. As a solo performer he has released six CDs featuring his own versions of popular rock songs. On these CDs he is accompanied by "The Mark Wood Band" consisting of one member of the Trans-Siberian Orchestra, several other musicians, as well as his wife Laura Kaye.

He is the founder of "Mark Wood Productions", a company that creates music for the use in film and television. Wood received an Emmy award for the music of CBS-TVs coverage of the 2002 Tour de France. He also composed a piece for electric string quartet commissioned by the Juilliard School, which he himself attended, entitled Nest of Vipers.

The company 'Wood Violins" produces custom-made electric violins, violas and cellos. One of their models, the Viper, features a patented chest-support system. Wood built his first electric violin at age 12.

Wood has been touring schools in the United States with his series of music education programs called Electrify Your Strings. He is an instructor at the annual Mark O'Connor Fiddle Camps and in 2008 was elected to the board of the American String Teachers Association. In January 2008 his book Electrify your Strings was published.
Wood has three brothers, who all played string instruments. His mother was a pianist and his father an abstract painter.
Track List:
1-Monkey Bats
2-I Want To Take You Higher/Stand
3-Voodoo Violince
4-Right-Engl-Boogie
5-Howling
6-Kobiyashi Mahru
7-Sledgehammer Hop
8-Slip'n Anna Slid'n
9-Roadwork
10-Passion Principle

Albums
Voodoo Violince
Against the Grain
Guts Grace and Glory
These Are a Few of My Favorite Things
Sanctuary
Portrait of an Artist

Obs: A tal capa verde era essa imagem que nem o dono da tal loja de importados e nem o atravessador sabiam, não era a capa do disco, mas graças a isso, hj posso dividir com os amigos do Som Mutante, mais uma das reminiscências do Lobo Velho.

Outra obs: Post original em 23/09/09

Enjoy!!!!!!!!!!!!!!!