Mostrando postagens com marcador Return to Forever. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Return to Forever. Mostrar todas as postagens

24 de nov de 2012

Return to Forever "Denver 1974 [TheTooleMan Presents, 1CD] Live at Ebbets Field, Denver, CO; August 9, 1974" by Elric

Conseguindo colocar em ordem as postagens que nos presenteiam, não como gostaria mas como é possível.

Qdo postei preferi deixar como veio pra não tirar o brilho da idéia e da atitude do Elric, mas não dá pra ficar calado(ré,ré,ré); aliás prq calar?

Um dos trabalhos mais raros da coleção do RtF, não consegui encontrar as capas originais, informações muito menos; tem sim mas pouco e aí a postagem não ficou ilustrada como gostaria prq o Elric é um amigo querido.

Ele vem de uma outra vida onde andávamos pelas planícies em busca de aventuras e acreditando que tudo era bom e todos eram bons; vã ilusão com a qual à duras penas e perdas aprendemos que não se deve confiar em palavras mas em atitudes.

O Elric sempre teve atitude comigo e isso mesmo qdo nos separamos por um tempo não esqueci, e caso não nos encontrássemos novamente serviria de conversas em volta da fogueira.

Mas eis aí nosso irmãozinho por aqui, o que me dá muita alegria e prazer e não é de hoje que suas dicas são sempre bem vindas no correio da floresta e seus presentes mais ainda; sim meu irmão o RtF faz parte da minha caminhada e conheço bastante coisa deles e esse foi uma grata surpresa.

Creio até que o Aponcho se não tiver irá levar até sua casa de rock e degustar o trabalho dos mestres junto com outros que já levaram.

Obrigado!!!!!!!!!!!
Mano Dead Or Alive

Não me lembro bem, mas acho que você gosta desses caras ou curtiu, sei lá... a cabeça já não tá mais a mesma eh ehe he

Segue lá
Um abraço.
--
Elric, the viking!


"Thanks to TheTooleMan, who shared these tracks on the net in 2005.

TheTooleMan noted:

The original recording was in excellent condition, sounding like an original tape made at the radio station from the feed from the club.

There is slight audible tape damage during the first minute or so of the the first track.

The original tape ran about 83 minutes and included about three minutes of Chick blabbering and filling time while Stanley’s acoustic bass was miked.

Parts of this and some other empty spaces been removed to fit the entire program on an 80-minute CD. No music has been lost.

Audio levels and dynamics were adjusted and EQ were applied.

Audio quality is top-notch."
Source:
Pre-FM soundboard;Mastered by: TheTooleMan, June 2003.

Picture by Grant Gouldon, posted on the net – Thanks!

Lineup:

Chick Corea
Al DiMeola
Lenny White
Stanley Clarke
Tracklist:

Track 01. Beyond the Seventh Galaxy
Track 02. Vulcan Worlds
Track 03. The Shadow of Lo
Track 04. Chick’s Solo
Track 05. Al’s Solo
Track 06. Stanley’s Solo
Track 07. Lenny’s Solo
Track 08. Song to the Pharoah Kings

Enjoy!!!!!!!!!!!!!! or Enjoy too!!!!!!!

14 de jul de 2012

Return to Forever "The Mothership Returns" (Live In Austin, TX/2011)

Se tem uma coisa que sou é falante, mas falar o que mais desses caras?

O nome é mágico e mítico, os caras são monstros sagrados e quem não gosta até agora não é aqui que vai se apaixonar pela união quase perfeita dos acordes compostos por gênios.

Porque quase?

A base é sempre a mesma, mas pra mim sempre George Duke é a ausência mais sentida e por mais que seja substituído ainda falta um "quê" do RtF original, o que não desmerece em nada mas ele faz a liga entre as viagens do Corea e o bate estaca do Stan, ele emoldura a sonoridade marcante desse grupo com seu talento black/funk/soul, sei lá.....

Corrigindo um ato falho sobre o Duke, seria simples retirar e deixar pra lá, mas não faz meu estilo, errei mesmo, a memória não é a mesma já com os séculos e a histórias e componentes segue abaixo,grato ao anonimo pela obs.

(Return to Forever foi uma banda jazz fusion, criada e liderada pelo tecladista Chick Corea. Vários músicos por ela transitaram. Stanley Clarke foi o único parceiro constante de Corea. Juntamente com o Weather Report e o Mahavishnu Orchestra, Return to Forever formava o núcleo jazz fusion dos anos 1970. Além de Clarke, vários outros músicos, como Flora Purim, Airto Moreira e Al Di Meola tornaram-se conhecidos através de suas participações nos álbuns do Return to Forever.

De sua primeira formação, participavam, além de Corea nos teclados e Stanley Clarke, no baixo, Joe Farrell, sax soprano e flautas, Airto Moreira, percussão, e Flora Purim, voz.

Em fevereiro de 1972, a banda grava o primeiro disco, incluindo a famosa composição de Corea, La Fiesta. Em setembro do mesmo ano, grava Light as a Feather - uma compilação de melodias brasileiras, reinterpretadas segundo as influências jazzísticas do grupo.

Em 1973, o Return to Forever incorpora o guitarrista Bill Connors e o baterista Lenny White, lançando-se completamente no jazz fusion. Nesse mesmo ano, grava Hymn of the Seventh Galaxy, sendo então reconhecido como um dos maiores expoentes dessa vertente do jazz.

Em 1974, para substituir Connors, junta-se ao grupo o guitarrista Al Di Meola, fortemente influenciado pela música flamenca de Paco de Lucía. Nessa época, a banda atinge seu momento de maior criatividade e qualidade. Em 1974, grava Where have I known you before; em 1975, No Mystery; em 1976, Romantic Warrior, considerado por alguns críticos como seu melhor trabalho.

Uma terceira formação do grupo surge em 1977, com a incorporação de músicos auxiliares nos sopros, além do percussionista Gerry Brown e da cantora Gayle Moran. Essa nova formação grava os álbuns Music magic e Return to Forever Live, o último disco da banda.
)

O que não muda em quase nada pra muitos pra mim é o ponto crucial, mas que tal ouvirmos assim com Lenny, Gambale (adoro Frank Gamabale, é o cara!!!) e o mestre Ponty que espero tenha superado sua fase depressiva e voltado ao top of the top.

É, eu também não ouvi ainda, chegou as minhas mãos através dos grupos que faço parte e nem pensei duas vezes, bem recomendado postado de olhos fechados mas de ouvidos bem abertos e ao vivo ainda?

Let's go everybody.........


Return To Forever are one of the most innovative and successful jazz/rock fusion bands.

Originally formed in the early seventies, they had reunions in 1983 and 2008 before the current line-up got together in 2010 with the arrival of new members Jean-Luc Ponty and Frank Gambale.

This set contains a double live CD recorded in 2011 plus a bonus DVD containing the Inside The Music feature which combines live footage with the band discussing the tracks performed on the CD.

Also included on the DVD are full live performances of After The Cosmic Rain and The Romantic Warrior and an extended trailer for the upcoming film The Return To Forever Story .
Line-up:

Chick Corea (piano & keyboard);
Stanley Clarke (electric & acoustic bass);
Jean-Luc Ponty (electric & acoustic violin);
Frank Gambale (electric & acoustic guitar);
Lenny White (drums).
Tracklist:

Disc One
1. Medieval Overture
2. Senor Mouse
3. The Shadow of Low / Sorceress
4. Renaissance

Disc Two
1. After The Cosmic Rain
2. The Romantic Warrior
3. Spain
4. School Days
5. Beyond The Seventh Galaxy

Obs: Num tem uma vez que posto os caras que não derrubam direto, por isso aproveitem logo,rs

Enjoy!!!!!!!!!!

20 de out de 2010

Returns "Live at Montreux" Return to Forever

Sabe qual a parte complicada de se morar numa floresta e ainda mais numa caverna?
Vc as vz fica limitado por alguns fatores e esta experiência é que fez me afastar, de postar com mais frequência vídeos.

Logo no início dessa de "postar", "compartilhar", etc; nem banda larga chegava na alcatéia e usava sinal de rádio que é um pouco melhor que conexão discada, mas um lixo tb para fazer upload e bastava fazer pra quebrar no meio, delatarem ou deletarem.

Com o tempo, melhorou um pouco com a banda larga (mas nem tanto), mesmo assim ainda sou meio reticente em postar vídeos; só que as vz abro sim excessões dependendo do material; dos amigos interessados e a dificuldade em achar na rede; que é o caso deste trabalho fantástico já postado o áudio por aqui e deletado acho que só umas 03 vezes,rs.

Vc acha sim, mas em 09 gbs ou em 07 e qdo se acha em padrão normal pra mortais como eu vem em 35 partes e ainda por cima depois de todo o trabalho, falta sincronia e lá vai fumaça.

Bem, como meu fornecedor oficial de vídeos compactos está atarefado (viu Poucosiso!!!) e dele que tirava os links depois de bem trabalhados e tudo; me virei e achei um programa que compacta e até deixa no tamanho de um cd duplo se quiser bastando um pouco de paciência; o qual pode não ser novidade pra os mais inteirados mas pra mim foi um mão (ou pata) na roda.

Então, aí está com boa qualidade de vídeo e áudio, num tamanho razoável, prq não quis comprimir mais e não deixando nada a desejar ao original; pra quem quiser e gostar dessa turma que só pode levar o nome de "mestres" porque menos é insuficiente, e aqui talvez se realize tb o objeto de desejo do Mauri que tá atrás desse material faz tempo.

Como já disse, tem em torrents,no avax e em outros locais tb, mas aí está de uma forma um pouco diferente do encontrado pra facilitar a vida de quem ainda não trabalha com terabytes, ou conexões de "n" megas e quer se distrair como eu vendo e ouvindo uma verdadeira aula de música e simpatia.Return to Forever Returns: Live at Montreux 2008
The "Jazz Event of the Year" Live in Montreux!

In the summer of 2008, four legendary artists took up their instruments together after 25 years apart. If you missed the tour of Return to Forever's classic lineup—Chick Corea on keyboards, Stanley Clarke on bass, Lenny White on drums and Al Di Meola on guitar—don't lose hope. This is the next best thing.

At the world's most famous jazz summit—the Montreux Jazz Festival in Switzerland—RTF took the opportunity to remind us why they were one of the most influential groups of the 1970s. This is their performance, and it's one for the books: the quartet takes classic material and rolls to ecstatic new heights.

Plus: Check out the Return to Forever Live Collection, featuring Return to Forever - Returns, the DVD Return to Forever: Live at Montreaux and the official RTF Tour Book!
Lynn Goldsmith
Return to Forever

Keyboardist Chick Corea, bassist Stanley Clarke, guitarist Al Di Meola and drummer Lenny White burn early after walking out to raucous applause from the Montreux crowd.
Corea’s opening “Hymn of the Seventh Galaxy” is, if anything, too harried, partly because of Di Meola’s note-happy solo.

But the guitarist certainly delivers on Clarke’s 12-minute opus “Vulcan Worlds,” as he, Corea and Clarke trade breaks with far more substance. Things meander afterward on “Sorceress,” “Song to the Pharaoh Kings” and an acoustic Di Meola solo showcase that comes across as overwrought despite its high points.

Corea’s solo showcase is inspired—at one point he plays the piano’s keys with his left hand while using his right to strike its strings with a mallet—which leads to a lengthy reading of the epic “The Romantic Warrior.”

Clarke plays an unaccompanied solo on upright (arguably his stronger instrument), and White creates interesting textures during his solo by using a drumstick in one hand and a brush in the other.
Bonus tracks, recorded two weeks later in Clearwater, Fla., include repeat solo sections by all four members, and the results border on overkill.

But a closing electric romp through “Duel of the Jester & the Tyrant” ends this document on a literal and figurative high note.
Tracks

1. Hymn of the Seventh Galaxy
2. Vulcan Worlds
3. Sorceress
4. Song to the Pharaoh Kings
5. Al's Solo
6. No Mystery
7. Chick's Solo
8. Romantic Warrior
9. El Bayo de Negro
10. Lineage
11. Romantic Warrior (continued)

Enjoy!!!!!!!!!!!!!

28 de dez de 2009

Return to Forever - Returns (Live)

Este post tem história!
Logo que saiu, chegou as minhas mãos e claro com toda boa vontade e desconhecimento lá fui eu correndo postar pra dividir logo com fãs como eu algo que voltava a ativa, uma mística tremenda no ar.....quanta inocência!!

Na primeira vez acho que não durou uma semana e o link já era, na segunda tentativa acho que foram três dias e depois nem sei se tentei de novo; ah sim, tentei sim só aqui no SM já que postava em outro blog também.

De nada adiantou, era subir e derrubarem, mas aí claro as donas do poder com disco novo vão pra cima mesmo e não tem link que dure, é óbvio que uns ficam e outros não, mas tive a sorte de ser escolhido e não consegui postá-los, apesar de ter uma relação muito íntima com eles e de ter como muitos, aprendido com eles no "RtF" ou em suas carreiras solo, o que é um virtuose, um gênio, um agraciado pelos céus com talentos tão maravilhosos.Isto é que me fez agora da última vez a desanimar de continuar fazendo o que gosto e me dá prazer e explico fácil: nosso maninho Poucosiso, além de sua vida normal de correr atrás do pão de cada dia, ainda vem junto aos seus numa luta de amor pela saúde de nossa Aninha, a quem sempre me refiro e ocupa lugar de destaque aqui na alcatéia, afinal adotei-a também e por isso é uma das lobinhas daqui e com honra ainda,rs.

Bem, além do pouco (rs)tempo que lhe sobra do dia pra qualquer que seja a atividade, ele ainda acha tempo pra subir uns vídeos pra nós, e aí me repassa o link e eu na maior cara de pau do mundo posto aqui, apesar dele ter o próprio blog, mas combinamos assim e qdo ele quer e pode, ele trabalha o video do formato que vêm pra o formato ideal(coisa que o lerdo aqui ainda não faz), e aí com a qualidade ideal de som e tudo o mais, e nem sempre sai na primeira; tem que se experimentar, converter um todo pra ver que no final que não tá sincronizada a última música imagem e áudio e toca a recomeçar e como acompanho sua luta junto aos seus, qdo vi um video que ganhamos do Omar, ser deletado toda hora, aquilo me deixou indignado.

Porra, qual o interesse?
Porque esta maldade do caraco?
Porque não aparecem pra ajudar ao invés de atrapalhar?
E qdo ele me manda um email dizendo: É mano detonaram de novo!
Sabe tipo desanimado?

Ah aí eu fiquei puto, prq se fosse na cara, com gente assim vc afunda a fuça na porrada e pronto, mas escondidos como sempre nas sombras, resta um gosto amargo de tristeza, incompreensão e dor.
Porque?

Simplesmente simples, alguém que nem pra si próprio tem tempo, encontra tempo pra se doar à muitos que mal conhece e do nada jogam na lata do lixo seu esforço; era isso que queria que soubessem prq talvez ele me dê até bronca por falar assim sem tê-lo consultado, mas gostaria que soubessem que muitas vezes as dificuldades são tantas que vc quer mesmo parar com tudo.

Aí está o motivo principal do meu desabafo, mas a partir de agora não vou ligar mais se deletarem ou não e como o próprio Poucosiso me disse um pouco depois: Bóra mermão!!!
Se ele não desanimou, eu não vou deixar na mão nem a ele e muito menos à aqueles que de boa vontade postaram suas observações que muito me envaideceram; gosto sim do que faço, amo tudo que faço mesmo que seja com dor, e como diz o poeta: "Tudo vale a pena quando a alma não é pequena".
Nunca quis parar, e não quero, é que as vezes você se sente pequeno, indefeso e até sem forças pra prosseguir, mas é isso qe dá prazer aos invejosos e incompetentes, e como nunca fui de jogar a toalha, simbora enquanto Deus quiser e vcs me suportarem por aqui.Escolhi sim a dedo qual post seria o dá explicação e do recomeço, digamos, tinha que ser bom, tinha de ser muito bom e tinha de expressar o retorno daqueles que nunca se foram, bom tá aí mais uma obra prima dos caras em dois discos.

E repito: Não fiz o que fiz para chamar a atenção pra mim, ou pra ser elogiado como disse antes, só o fiz porque achava que deveria ser assim; mas eu acho que não estou pronto pra deixar o convívio fraterno desta alcatéia, e nem a convivência com pessoas tão queridas e valiosas; não importam os mesquinhos, são em menor número sempre, importa aos que por aqui passam e se distraem com uma ou outra história e levam de quebra um som pra fazer companhia no caminhar que já não é fácil pra "seu" ninguém.

Quem gostar e quiser conferir talvez note semelhanças com os primórdios do trabalho desse grupo fantástico e ao mesmo tempo e lógicamente uma evolução que não destoa da tal citada originalidade.

Bem, é pra quem gosta mas mesmo quem ainda não está acostumado a sonoridade deles não será perda de tempo baixá-los porque sem ser redundante já sendo quando se reúnem são insuperáveis.

Return to Forever
Chick Corea - piano, keyboards, synthesizer

Stanley Clarke - acoustic bass, upright bass, electric bass, bass guitar

Lenny White - drums, percussion

Al Di Meola - guitars, acoustic guitar, electric guitar

"The 2008 reunion of Return to Forever's classic mid-1970s line-up marked an extraordinary event for fans of progressive jazz fusion. The band built their reputation on the mind-boggling chemistry of pianist Chick Corea, bassist Stanley Clarke, drummer Lenny White, and guitarist Al Dimeola.

That chemistry proves as explosive as ever 20 years after the group first dazzled audiences with their complex, rock-influenced hybrids. The two-disc set RETURNS features live recordings from Return to Forever's reunion tour, boasting such classics as "Hymn of the Seventh Galaxy" and "The Romantic Warrior."


There is, as one might guess, no shortage of stretching out from each of these four jazz luminaries."Return to Forever - Returns(01)

01.opening prayer (live)
02.hymn of the seventh galaxy (live)
03.culcan worlds (live)
04. Sorceress (live)
05.song to the pharaoh kings (live)
06.al’s solo, including: children’s song #3/passion grace & fire/mediterranean sundance/Cafe 1930/Spain (live)
07.no mystery (live)

Return to Forever - Returns(02)

01.friendship (live)
02.romantic warrior (live)
03.el bayo de negro (live)
04.lineage (live)
05.romantic warrior (Continued) (live)
06.duel of the jester and the tyrant (live)
07.500 miles high (live)
08.romantic warrior (BBC)

Enjoy!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!