Mostrando postagens com marcador John Mayall. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador John Mayall. Mostrar todas as postagens

24 de nov de 2010

John Mayall "Tough"

Tô pra ver um bicho mais teimoso que lobo, dizem que é o burro, mas eu tenho certeza que o burro perde feio pra nós lobos; ô bicho teimoso e até burro, aí sim,rs

Tem uns discos que são "tiro e queda" (já disse que essa frase não é agradável pra lobos tb, mas olha ela aí de novo!), basta postar e levanta do caixão o drácula da net e deleta seu post sugando o sangue (trabalho de postar)de quem ousa ir contra a correnteza.

Alguns trabalhos eu até evito prq nem adianta perder tempo, é só postar que derrubam, e até que tenho passado meio que ao largo e nem sei como ainda "tamo" no ar, prq aumentou a frequência de visitantes e o blogger colocou um quadro de estatísticas dentro do blog e assim vc nota todo o movimento mas eles tb sabem como é sua frequência e identificam mais fácil o que fazemos, posso desabilitar só que não quis e quero é mais; que fique aí e pronto.

Bem, do post que interessa nem abri a boca ainda, mas precisa?
Falar o que do cara?
Um inglês, branco, do século passado que toca blues?

Ah isso não poderia dar certo nunca, mas deu e muito, prq ao meu ver é um dos caras mais simpáticos do chamado "jet set" (ainda existe isso?), mais talentoso que muitos medalhões e com a capacidade de usar seu dom pra ajudar músicas caídos a se levantarem como no caso do próprio Eric Clapton entre muitos ou lançar um Coco Montoya etc e etc.

Achei lindo no seu aniversário de 70 anos o convidado especial foi justamente o Clapton; este é o John, um cara digno, de moral irreparável e um caráter forte o que é característico de personalidades fortes; mas que ao mesmo tempo tem a doçura de uma criança como todo artista precisa pra se expressar de verdade.

John Mayall vale uma caçada e uma fuga, é um mito, um monstro, um artista na essência da palavra e um ser humano fantástico por tudo que acompanho e se não é o ideal pra muitos deveria ser um exemplo a ser seguido sem medo de ser felizJohn Mayall OBE (Macclesfield, 29 de novembro de 1933 é cantor, compositor e multi-instrumentista inglês de blues.

A sua carreira musical dura mais de cinquenta anos, mas o mais notável episódio desta ocorreu no final da década de 1960.

Ele foi o fundador da banda John Mayall & the Bluesbreakers e influenciou muitos instrumentalistas, incluindo Eric Clapton, Jack Bruce, Peter Green, John McVie, Mick Fleetwood, Mick Taylor, Don "Sugarcane" Harris, Harvey Mandel, Larry Taylor, Aynsley Dunbar, Hughie Flint, Jon Hiseman, Dick Heckstall-Smith, Andy Fraser, Johnny Almond, Jon Mark, Walter Trout, Coco Montoya, e Buddy Whittington.
John Mayall's been busy this year!

After completely changing his band lineup, recording a new album for Eagle Records and then embarking on an exhausting tour schedule this year, we are pleased to announce the release of John Mayall's 57th official album, "Tough."

Release dates: September 7 in UK and Europe and September 15 in the US. We are currently taking orders at JohnMayall.com.

Press Release: John Mayall's new album with his new band is gritty and urban, current and strong-a study in the struggle of the current state of the world, the difficulties with human relationships, the pitfalls of temptations and, finally, the promise of hope.
Produced by John Mayall himself, this album is also the debut of his new band lineup, making this a new start with fresh new blood.

A collection of 11 new songs, written by various artists and himself, constructs a statement about where, at nearly 76, he is at this point in his life, told from the wisdom of a man who has lived it all, with a voice of power and strength.

Living Blues (p.67) - "John Mayall here offers up a concept album that fuses romantic, political, and existential concerns in exactly this manner."

Record Collector (magazine) (p.91) - 4 stars out of 5 -- "The easygoing, organ-based 'An Eye For An Eye' harks back to the mid-60s, while guitar ballad 'How Far Down' is deeply contemplative."
Personnel:
John Mayall (vocals, guitar, 12-string guitar, harmonica, piano, organ);
Rocky Athas Group (guitar);
Tom Canning (piano, organ, background vocals);
Greg Rzab (bass guitar);
Maggie Mayall (background vocals).Tracklisting:

01. Nothing To Do With Love
02. Just What You're Looking For
03. Playing With A Losing Hand
04. An Eye For An Eye
05. How Far Down
06. Train To My Heart
07. Slow Train To Nowhere
08. Number's Down
09. That Good Old Rockin' Blues
10. Tough Times Ahead
11. The Sum Of Something

Enjoy!!!!!!!!!!!!!